sábado, 8 de janeiro de 2011

Só mais um sonho bizarro

No filme Crepúsculo a Stephenie Meyer, autora da série, fez figuração no próprio filme, na cena da lanchonete. Eu sonhei que ela estava em outra cena como figurante, mas o cenário não tinha nada a ver com Crepúsculo, e ela estava aparecendo demais para uma figurante, com vestido e cabelos longos e bonitos. Eu fiquei curiosa e observei. Sim, eu estava na cena - é óbvio, o sonho é meu!
Eu tinha ido ao Shopping (mas parecia uma mistura de Shopping com rodoviária) encontrar uma amiga, e a Meyer estava lá, parecendo estar procurando alguém. Mesmo com uma roupa diferente as pessoas ao redor pareciam nem notá-la, era como se só eu a visse, assistindo ao filme sozinha em casa.
Ela esperou e eu observei. De repente apareceu um homem (provavelmente um mago) que era uma mistura do professor do Caspian, do filme As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian, com Alvo Dumbledore, diretor de Hogwarts em Harry Potter, com direito a cordãozinho amarrado ao meio da longa barba branca. O figurino (não sei que roupa é aquela) era azul claro, inspirado no Dumbledore, mas sem chapéu.
Ele entrou no carro dela (como assim?) e eles saíram. Eu fui atrás deles mas acabei perdendo o carro. Vi minha tia perto de onde o carro sumiu e passou pela minha cabeça que ela tivesse pegado carona com eles. Virei de costas para ela e me disfarcei entre as pessoas para que ela não visse que eu estava espiando, mas pelo visto ela percebeu e ficou olhando para ver se era eu. Então eu resolvi abrir o jogo, fui até ela e falei "Tá legal, o que é que a Meyer tava fazendo com o Papai Noel, quer dizer, Dumbledore por aí?"
O que ela respondeu? Sei lá, deve ter achado que eu sou louca. Felizmente, ou não, o sonho acabou aí.

Nenhum comentário:

Postar um comentário